02 setembro 2014

As Vantagens de Ser Invisível (TOP 10)



Hey, guys!

Nesse Top 10 que estamos elaborando, estou tendo um pequeno, mas relevante problema. Algumas adaptações da lista eu já comentei aqui na coluna e quando eu vou abordar nesse Top 10, tenho que ter bastante cuidado com repetições e redundâncias. Foi assim com Crepúsculo, vai ser com Harry Potter quando eu comentar sobre o filme no Top 10, e agora com As Vantagens de Ser Invisível.

Entretanto, essa adaptação eu já fiz duas vezes aqui no Sangue com Amor. Não sei o que rolou na minha cabeça maluca. Provavelmente postei aqui a primeira vez, não apaguei da minha lista de futuras adaptações e acabei repetindo. Então, gente, especificamente para essa postagem, vou fazer algo diferente, que nunca fiz aqui na coluna: mostrar o que a galera posta sobre o filme/livro no Twitter.

Antes, dados sobre a direção do filme, pois é fundamental nessa nossa análise para o TOP 10:

O filme foi coordenado pelo próprio Stephen Chbosky, autor do livro. Ele foi o roteirista do filme além de ser o diretor geral da adaptação. E, me desculpem, se o próprio autor está no set de filmagem, como aconteceu nesse caso, não tem como o filme sair ruim ou mal adaptado. Ele mesmo diz como quer as cenas, a impressão que deve passar, a expressão das personagens e, o melhor de tudo, sabe o que deve e o que não deve incluir do livro.

A situação é parecida com a adaptação de A Culpa É Das Estrelas. Diretor foi Josh Boone, mas John Green esteve acompanhando tudo, inclusive as filmagens e o roteiro. O filme ficou bom, você pode conferir minha análise sobre a adaptação no link acima.

Então Stephen Chbosky fez um ótimo trabalho na coordenação do filme de seu próprio livro. Os atores se expressaram da forma com que ele queria, e o roteiro foi cuidadosamente definido. Fica aqui minha indicação e garantia de um bom entretenimento cabível em qualquer situação de sua vida, além da épica dita "Nós aceitamos o amor que pensamos merecer".

Agora o que pensam os leitores:

"Tô na biblioteca lendo 'As vantagens de ser invisível' pela terceira vez." - @iorcc_

"Me sinto muito invisível quando me ignoram, mas eu acho que até combina comigo, afinal meu filme favorito é 'As Vantagens de Ser Invisível'." - @IuriRaRedu

"me identifico tanto c 'as vantagens de ser invisível' q chega a ser estranho" - @babaloocas

"as vantagens de ser invisível pela milésima vez e não enjoar. esse filme tem o poder." - @caiogstv

"'As vantagens de ser invisível' é simplesmente um dos melhores livros que já e o que tem as melhores frases, cara." - @ThiegoNovais

"'Deixei que o silêncio colocasse as coisas no lugar em que elas deveriam estar.' (As Vantagens de Ser Invisível)" - @roubavalivros

Tem mais, porém a maioria são quotes mesmo.

Com essa postagem, gente, nós finalizamos outra análise de adaptação. 2 dos 10 filmes classificados no site Ccine10 já foram avaliados. Quando todos já tiverem sido postados com as respectivas avaliações, faremos o TOP 10 do Sangue com Amor.

01ª O Poderoso Chefão (The Godfather), de Francis Ford Coppola (1972)
02ª O Senhor dos Anéis (saga)
03ª Harry Potter (saga)
04ª Deixa Ela Entrar (Låt Den Rätte Komma In), de Tomas Alfredson (2008)
05ª A Invenção de Hugo Cabret (Hugo), de Martin Scorsese (2011)
07ª O Código Da Vinci (The Da Vinci Code), de Ron Howard (2006)
08ª Alice no País das Maravilhas (Alice in Wonderland), de Clyde Geronimi, Hamilton Luske e Wilfred
Jackson (1951)
09ª As Vantagens de Ser Invisível (The Perks of Being a Wallflower), de Stephen Chbosky (2012)
10ª Medo e Delírio (Fear and Loathing in Las Vegas), de Terry Gilliam (1998)

8 comentários:

  1. Oii,

    Não conhecia essa coluna e achei muito legal. Parabéns!!
    Eu não li e não assistir o filme, mas é porque me falta tempo, vejo tantos elogios que me sinto mal por não ter lido ainda :(

    Beijinhos,
    www.entrechocolatesemusicas.com

    ResponderExcluir
  2. Acho fundamental a preocupação do autor do livro em acompanhar as gravações do filme para que tudo seja da maneira que ele idealizou, caso contrário fica um filme ruim, tipo Percy Jackson.
    Adorei o livro As vantagens de ser invisível e o filme, justamente por ser fiel à história.
    Beijos
    Blog: Porão da Liesel
    Página no Facebook

    ResponderExcluir
  3. Oi, Gunnar
    Eu amo As vantagens de ser invisivel. Foi um livro que li num dia, me identifiquei demais com a trama e só tenho elogios. É um livro que quero reler em breve.

    Sem dúvidas a mais marcante e que me deixa arrepiado é: " e naquele momento eu poderia jurar que éramos infinito."

    Abraços
    Adriano
    GeraçãoLeitura.com || http://geracaoleiturapontocom.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oi, Gunnar!
    Eu ainda não li nem vi, mas sempre ouço boas coisas, inclusive lembro os seus outros posta sobre As Vantagens de Ser Invisível. Acho muito importante o autor ajudar a construir o roteiro ou escrevê-lo, isso ajuda a manter a fidelidade ao livro.
    Pelos tweets dá pra ver que muita gente também gosta dessa história.
    Beijinhos!
    Giulia - www.prazermechamolivro.com

    ResponderExcluir
  5. Olá

    Gosto mais do filme do que do livro, acho a trilha sonora um dos pontos altos e as atuações no geral são boas. Apesar daquele final e justificativas não terem me agradado achei que foi uma boa adaptação quando falamos de livros e filme. Ansioso para o post sobre Poderoso Chefão e Hugo Cabret!

    Abraço!
    www.umomt.com

    ResponderExcluir
  6. Olha, Gunnar, li esse livro e simplesmente odiei. Posso ter compreendido mal tudo, mas a verdade é que as drogas de todos os tipos me irritaram. Por esse motivo, não tenho nenhum interesse na adaptação, ainda mais sabendo que o autor do livro foi o roteirista e o diretor geral da adaptação... a única chance de eu assistir seria se tivessem mudado tudo! Rs... beijo! Ju

    ResponderExcluir
  7. Autores nos sets de filmagem deveria ser obrigação! Afinal de contas, quem melhor do que os próprios para saber o que deve ser apresentado?!
    Eu nunca li o livro, mas ele está aqui louco para ser lido.. sempre escuto grandes elogios e mal vejo a hora de poder me juntar ao coro.

    Beeijinho. Dreeh
    Blog Mais que Livros

    ResponderExcluir
  8. É claro que o Poderoso Chefão e Senhor dos Anés estão no topo da lista <3 Só trocaria Harry Potter por Crepúsculo na ordem... Não que eu tenha motivos palpáveis, só não gosto de HP mesmo SUAUASHU Ok, sobre The Perks Of Being a Wallflower, é um dos raros exemplos onde prefiro o filme ao livro. Eu acho muito interessante a vibe toda, mas acho que a mensagem final não é muito boa. Digo, você precisa ter tido um trauma na infância pra ser "invisível"? É claro que não, você pode simplesmente ser tímido ou não se destacar, isso foi um pouco preconceituoso da parte do escritor. Enfim, minha opinião irrelevante kk

    Abraços!
    http://pipocaradioativa.com.br/

    ResponderExcluir