14 novembro 2014

Um Amor de Cinema - Victoria Van Tiem

Resenha por: Ana Zuky
Título: Um Amor de Cinema
Autor(a): Victoria Van Tiem
Editora: Grupo Editorial Record
Selo: Verus
Gênero: Romance
Subgênero: Chick-lit
Páginas: 294
Compre: Amazon  /  Cultura
Compare: Buscapé
Nota:

Neste irresistível romance, Kenzi Shaw, uma designer fanática por filmes, é lançada nas águas turbulentas do amor — ao estilo de Hollywood — quando seu lindo ex-namorado lhe propõe uma série de desafios relacionados a comédias românticas para reconquistar seu coração. Que garota não gostaria de vivenciar a cena das compras de Uma linda mulher? É o desafio número dois da lista. Ou tentar fazer os passos de dança de Dirty dancing? É o número cinco. Uma lista, dez momentos românticos de filmes e várias aventuras depois, Kenzi se pergunta: ela deve se casar com o homem que sua família adora ou arriscar tudo por um amor de cinema? 

Olá amores,
Muitos dos romances que lemos – o que significa a maioria da mulherada -, nos pegamos sonhadoras e todas desejosas para que “Bem que meu romance poderia ser assim”. Então por isso acabamos nos aprofundando e nos sentimos submersas quando lemos o “Romance”.
Estou aqui para falar a vocês sobre este tipo de romance, talvez alguns – com certeza a homarada – torçam a boca em desgosto, porem... A força aqui, que nos somos: Mulheres, iremos amar e desejar – um tanto loucamente, pois somos assim. RS – ler a este romance.

Kenzi Shaw trabalha como design em uma empresa, é noiva Bradley. Tudo em sua vida caminha da forma que planeja – ao menos é o pensa –, isso claro se não fosse pela sua família, que parece nunca esta contente com o que ela faz. Isso reflete muito em sua autoestima e de como ela age hoje.
Porem a sua vida – quase – perfeita é badalado quando seu ex aparece em cena. Começando pedindo amizade no facebook, e tendo uma conversa rápida, para logo ela descobrir que ele é o novo cliente da empresa que trabalha. O pior disso tudo é: Ela precisa conquistar este trabalho para que não seja demitida.
Pois é, ela se vê com o coração sempre palpitando e sentindo aquela velha e conhecida por nos mulheres: Frio na barriga. Quando ela pensa que bastava apenas mostrar seus slides, e pronto, descobre que ele, o ex, planeja algo a mais. E uma lista com dez nomes de filmes surge e é preciso que ela reviva as cenas dos filmes citados para entender o trabalho.
Mas será mesmo somente o trabalho que ele quer que ela entenda? Acho que não.

Uma leitura bastante agradável e digna de aplausos. Um verdadeiro romance, com aquela pitada de comedia que fará qualquer um que ame o gênero, suspire, ame e anseio por um Amor de Cinema.
Os personagens foram muito bem criados, e todos, ate os secundários estão apostos para fazer com que o leitor entenda cada cena, cada capitulo e cada parágrafo.
Como todo romance, ele deve ter o vilão, e ate o vilão aqui é deliberadamente encantador – isso claro ate descobrirmos o que a peste esta armando – e o vilão, ou melhor, vilã Tonya, faz com que este romance de palpites em nossa imaginação. Claro que eu desconfiava de algo, no decorrer da leitura e acabei que tendo a certeza dela. Uma vilã com charme e bastante recalque por assim dizer. Que dá um toque maravilhoso à leitura.
Temos o noivo Bradley, que se mostra aquele moço sério, prestativo e carinhoso. Mas ele é tão certinho que dá nos nervos.
Hum, temos o ex Shane, que com seu sotaque britânico – o delicia – e seu charme, nos conquista de uma forma surpreendente. Principalmente quando ele começa a fazer com que as cenas dos filmes que ele listou entrem em pratica. Impossível não amar.
E temos nossa protagonista Kenzi, que personagem maravilhosa. Ela faz um drama uma verdadeira comedia, arrancando de nos umas boas gargalhadas. Claro que ela se mostra um pouco insegura no começo. Mas conforme as paginas vão correndo podemos ver o quanto ela cresce e começa a ter personalidade. E os conflitos que ela tem que enfrentar me ter um carinho parcial por ela. Também com uma família como a dela, impossível não criar esse vinculo.
Narrado em primeira pessoa, pela nossa Kenzi, podemos vivenciar todo seu drama e sua alegria no melhor ângulo. Diagramação simples, fontes no tamanho padrão, e ótimo trabalho na revisão, pois não encontrei nenhum erro. A capa é muito bem trabalhada, o que transmite muito bem a história. Resumindo: Livro perfeito

Um romance para ser sentindo e quem sabe vivenciado. Um verdadeiro amor de cinema!

Beijokas Ana Zuky

9 comentários:

  1. O livro parece ser bem bacana, a capa chama bastante atenção. Eu não dispenso uma boa comédia romântica, ainda mais quando a protagonista se destaca no gênero. Hehe, gostei da resenha, ótima indicação.
    Abraço, www.likelivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Olá, Ana!

    Creio que essa seja a primeira resenha do livro que li. Devo afirmar que fiquei com certa curiosidade com relação ao enredo. Nunca li nada do gênero, acho. Parece ser divertido e ao mesmo tempo dramático! Coloquei na listinha de desejados ^^

    Até logo,
    Sérgio H.

    www.decaranasletras.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Oi Ana, tudo bem? Adorei a sua resenha, e para quem adora um filme de comédia romântica como eu, acho que vai adorar. Já tinha lido uma resenha dele e fiquei encantada e curiosa para saber quais serão as cenas de quais filmes que a Kenzi e o Shane irão protagonizar. Deve ser bem divertido. Que bom que as personagens se destacam, e principalmente a Kenzi apresenta um amadurecimento, amo sotaque Britânico e o Shane deve ser maravilhoso, odeio personagens certinhos, então provavelmente não vou gostar do Bradley.

    Adorei a resenha e com certeza é mais um livro entrando para minha wishlist.

    Beijinhos,

    Rafaella Lima // Vamos Falar de Livros?

    ResponderExcluir
  4. Quando vi a primeira vez esse livro, percebi que ele tinha uma carinha de ser fofo (ainda mais com o kit divo e maravilhoso que a editora mandou junto). Li a sinopse e percebi que minha intuição tava certa, e isso foi confirmado com as resenhas que li. Toda história de amor sempre me interessa, ainda mais quando é contada sob forma de chick-lit, mas envolvendo filmes tem tudo pra ser perfeito! Quero muito muito muito ler esse livro, Ana!
    Só achei engraçado o nome da protagonista, pois eu conheço um homem chamado Kenzi. rs
    Beijinhos!
    Giulia - www.prazermechamolivro.com

    ResponderExcluir
  5. Oi, Ana
    Que resenha linda é esta? Ameei.
    Recebi o livro de ação promocional, mas sinceramente, nem é meu gênero literário favorito porque na maioria dos romances e comédias românticas, eu me sinto de lado na estória. É como se eu não fosse imerso no livro, mas adorei saber que o livro é conduzido com tanta graça e leveza, e trazendo uma diversão em todos os dramas!! Eu gostei bastante de tudo que foi dito, do romance, da vilã e espero ler e gostar tanto quanto você!

    Abraço
    Adriano
    http://geracaoleiturapontocom.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Nossa o livro parece ser ótimo mesmo, já estava bastante interessada me ler só pela sinopse, agora depois de ver essa resenha fiquei super ansiosa pra conferi essa história.

    ResponderExcluir
  7. Oi Ana.
    Chick-lit é o meu gênero preferido, leitura que nunca me decepciona e sei que é diversão certa.
    Romance, comédia, filmes, personagens bem desenvolvidos e cativantes, e a parte que mais gosto: um vilão tão bem caracterizado que encanta.
    Esse é mais um livro que está na minha imensa fila de leituras que necessito fazer com urgência.
    Quero saber quais filmes são citados nesse livro, quero assistir todos rsrs.

    Beijos.
    Leituras da Paty

    ResponderExcluir
  8. Oi Ana,eu ainda não tinha visto nenhuma resenha sobre esse livro, mas com certeza eu amei cada palavrinha sua.
    Esse livro me parece ser perfeito, amo um romance assim e também amo dar algumas risadas.
    Foi para minha lista de desejados.

    Abçs :)

    ResponderExcluir
  9. Uau, livro perfeito?! Isso é tão raro que estou surpresa e adorei a dica!
    Vou providenciar para poder ler também!

    ResponderExcluir