11 junho 2015

A Transformação de Raven - Sylvain reynard

Resenha por: Ana Zuky
Título: A Transformação de Raven
Autor(a): Sylvain Reynard
Série: Noites em Florença
Editora: Arqueiro
Gênero: Romance / Fantasia
Paginas: 448
Ano: 2015
Compare e Compre: Buscapé
Adicione: Skoob
Nota:
Sinopse: A transformação de Raven - Florença, o berço do Renascimento. Um lugar culturalmente fervilhante, perfeito para quem quer esconder segredos ou está em busca de uma segunda chance. Como a doce Raven, que se muda para a cidade na tentativa de esquecer os traumas do passado e se dedicar à sua maior paixão: a restauração de pinturas renascentistas.Um dia, voltando para casa do trabalho na Galleria degli Uffizi, sua vida muda para sempre. Ao tentar evitar o espancamento de um sem-teto, Raven é atacada. Sua morte parece iminente, mas seus agressores são impedidos e brutalmente assassinados. Assustada e prestes a perder os sentidos, ela só consegue vislumbrar uma figura sombria que sussurra: Cassita vulneratus.Ao despertar, Raven faz duas descobertas perturbadoras: uma semana se passou desde o ocorrido e ela se transformou por completo. Quando volta ao trabalho, mais uma surpresa: alguém conseguiu burlar o sofisticado sistema de segurança da galeria e roubar a inestimável coleção de ilustrações de Botticelli sobre A divina comédia.Em busca da verdade, Raven cairá diretamente nos braços do Príncipe de Florença – tão belo quanto poderoso, tão sedutor quanto maligno –, que lhe apresentará um submundo de seres perigosos e vingativos, cujas leis ela precisa aprender depressa se quiser se manter viva e salvar os que a cercam.A transformação de Raven marca o início da série Noites em Florença, cujos personagens foram apresentados em O príncipe das sombras.

A Transformação de Raven é o primeiro livro da série “Noites em Florença” do autor Sylvain Reynard, mas, antes deste livro teve a introdução com resenha AQUI. Reynard é conhecido pela trilogia “O Inferno de Gabriel”, ambos lançados pela Editora Arqueiro.

Narrado em terceira pessoa a leitura começa com um prólogo, informando o drama final da introdução anterior. Logo, no primeiro capitulo conhecemos Raven, restauradora da galeria Degli Uffizi em Florença. Ela não tem os padrões de beleza exigido e ainda tem sua deficiência, ocasionada por um passado sombrio, que a obriga usar uma bengala. Após um jantar na casa da melhor amiga, Raven caminha rumo a sua casa, mas ao chegar na ponte, que ao atravessar chega em seu apartamento, se depara há uma cena, levando-a ter um conflito, defender ou não. Mas sua boa alma não aguenta e ela acaba interferindo no acontecimento, seu amigo, um mendigo deficiente a quem tem um carinho, começa a sofrer agressões de três homens bêbados, sua intromissão levantou atenção deles para ela, a transformando na próxima vítima.
Raven acorda em seu quarto, logo notando que seu pé, antes lesionado que a obrigava usar a bengala, estava bom. Caminha rapidamente ao primeiro espelho, notando que tudo nela estava diferente, agora tinha uma beleza estonteante e sua deficiência não existia mais. Mas sua alegria logo foi deixada de lado, quando tenta se lembrar dos últimos acontecimentos, mas nada vem a sua cabeça. Ainda confusa, se arruma e vai para galeria, ao chegar descobre que obras foram roubadas, além de repararem nas suas mudanças, ela se torna suspeita, pois passou uma semana desaparecida.
Se não bastasse ser suspeita ela começa a receber visitas de um estranho em seu quarto, que desperta medo e noutro um sentimento que não consegue explicar. Raven começa a descobrir, que seu mundo não aquele que apenas conhece, que há vampiros, feras, humanos que caçam seres sobrenaturais, além da descoberta do amor. Mas nada será fácil, ela terá que aprender a enfrentar seus medos e os inimigos que seguem seu amado, o Príncipe do Submundo, Willian York.

Quem conhece a escrita de Reynard, sabe bem o quanto ele ama artes e adora enfeitar seus romances com trechos e detalhes, transformando seus livros numa Wikipédia. Porém, isso não impede de viajar e fantasia os lugares e obras que tanto cita.
A drama anterior continua como o ponta pé para ação e mistério, mas desta vez teremos o romance, que fará o Príncipe, antes cruel e vil, se tornar encantador e um sonho. Também podemos contar agora com um novo drama, que segue a personagem Raven, que vai instigando o leitor a querer saber o que aconteceu. Tornando esta leitura cheia de emoção com as revelações do passado sombrio de Raven e Willian.
Reynard conquista seus leitores, ao menos eu, com sua forma poética de escrever a história, mas notei semelhanças de sua escrita e romance atual com a trilogia anterior, “O Inferno de Gabriel”, me levando a pensar que, o autor ainda estaria naquela vibe. Não que tenha sido decepcionante, por que não foi, mas esperava algo novo e diferente, que me fizesse ter somente está drama na cabeça e não duas. Apesar dessa ressalva, sendo a única falha na minha opinião, amei poder conhecer Florença, conhecer o submundo e os vampiros de Reynard, que manteve a mitologia original desses seres. Claro que ele acrescentou a sensualidade e paixão, além da descoberta do sentimento, amor, que vai aos poucos sendo descoberto pelos personagens, tornando grandioso e delicado e sonhador. Por isso entra nos meus favoritos.

Diagramação simples, fontes em tamanho proporcional acompanhado de folhas amarelas. A revisão está impecável e a capa segue o padrão da anterior, mas desta vez além do toque sombrio, a editora acrescentou a sensualidade juntos na capa, que na minha opinião é simplesmente linda.

A série Noites em Florença, é a leitura que indico a vocês, meu caros. Para quem conhece a escrita do autor, vai amar a leitura, e para quem, como eu, que ama o gênero fantasia vai se entregar sem pestanejar. Reynard é mestre quando se trata de romance com o toque da arte, fazendo cada leitor suspirar, sonhar e ansiar por mais.

Gostou? Então Curta e nos ajude ♥

12 comentários:

  1. Oi, Ana!
    Eu já sabia que o autor focava bastante na questão das artes e tal, mas se é pra ler detalhes das obras ou lugares eu não abro livro, jogo no Google que é mais rápido. :P Nunca tinha ouvido essa comparação com a Wikipedia e isso só confirmou minha vontade de não ler. A trilogia Gabriel até me interessa, mas essa aí tem sobrenatural, então descarto na hora! rs
    Beijinhos!
    Giulia - www.prazermechamolivro.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Giu,
      eu comparo a Wikipedia, pelo fato do autor dar detalhes minuciosos sobre as artes que tanto fala em seus livros. Ele não deixa escapar nada e não mede as palavras na hora de descreve-las.
      Mas se você não gosta de muitos detalhes, vai acabar se sentindo entediada, e ate onde te conheço, você também não gosta do sobrenatural, então... Entendo você.
      Mas espero que um dia, você abra seus horizontes e se aventure nesta historia.

      Obrigada pela visita!

      Beijos

      Excluir
  2. Olá Ana, ainda não li nada do autor, mas esse livro parece estar bem legal, além dessa capa linda *--* a historia tem um suspense sobre o que aconteceu com a protagonista que deve prender o leitor além é claro de trazer series sobrenaturais que eu tanto amo <3 Espero poder lê-lo.

    Visite "Meu Mundo, Meu Estilo"

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Jessica,
      se você adora o sobrenatural, vai se deliciar com este romance. E sim, o mistério instiga muito o leitor a ir adiante para saber o que aconteceu com Raven, e digo, vai chocar um pouco.
      Mas ao todo, a historia alem de ter um romance lindo, e ter o sobrenatural, o autor abusa de seu conhecimento e gosto pelas artes.
      Espero que você possa ler e se entregar a leitura.

      Obrigada pela visita!

      Beijos

      Excluir
  3. Oi, Anaaaa!
    Antes de mais nada: que layout lindoooo! faz um tempinho que não passo por aqui, por isso estava por fora das novidasde. Adorei a nova carinha d blog.
    Se a história se passa na Itália, já gostei! rs
    Achei a premissa da história bastante interessante e fiquei super curiosa para saber como Raven ficou "curada" milagrosamente, bem como ela ficou com essa deficiência.
    Tambpem fiquei curiosa para conferir a mudança desse Príncipe (ainda que não tenha lido a introdução).

    Parabéns pela resenha, Ana!

    Bejos,
    Amanda
    http://minhasconfissoesfemininas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Amanda,
      pois é o layout passou por algumas mudanças, mas acho que desta vez eu acertei em cheio.
      Sobre a historia, você vai amar descobrir como o príncipe muda e de como a transformação de Raven vem.
      Realmente este livro tem uma premissa maravilhosa, com um romance lindo, e mistérios que farão você ir ate o final.

      Obrigada pela visita!

      Beijos

      Excluir
  4. Oi Ana.
    Não conhecia esse livro ainda e tenho que confessar que não me interessei muito, pois não curto muito histórias do gênero fantasia. Porém, adorei o que você falou sobre a escrita de Sylvain. Ainda não li nada dele, mas fiquei curiosa para conhecer um pouco mais sobre o autor.
    Um beijo
    Carol
    http://www.sobrevicioselivros.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Carol,
      uma pena você não gostar do gênero fantasia, mas o autor sabe como encantar seus leitores, se não é pelo romance, com certeza será pelo seu fascínio pela artes que ele acrescenta com detalhes maravilhosos.
      Se tiver interesse, leia e tire suas conclusões, vai que ele, o autor, te conquiste.

      Obrigada pela visita!

      Beijos

      Excluir
  5. Oi Ana, tudo bem flor?

    Minha colunista ama a escrita do autor, e eu li o primeiro livro da trilogia de O Inferno de Gabriel e até achei legal. Noites em Florença não me chama a atenção, mas quem sabe no futuro próximo eu leia. Em suma, parabéns pela resenha.

    Beijos
    Leitora sempre

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Jess,
      se tivesse que escolher entre este e a trilogia, eu optaria por este, achei a historia mais envolvente e o romance mais turbulento, tanto na construção em que ele é desenvolvido quanto em ser avassalador.
      Espero que num futuro próximo você se entregue e leia a historia, acho que você vai gostar.

      Obrigada pela visita!

      Beijos

      Excluir
  6. Oi Aninha, sua linda, tudo bem?
    Essa série ser semelhante a anterior é para mim um atrativo. Adoro a fórmula que o autor usa, adoro esse clima de arte, nessa cidade dos sonhos, com muito romance, além dos meus queridos vampiros. Eu fui a um evento que apresentou esse livro, e o pessoal brincou que ele contém a receita do elixir da vida, quem não quer ficar linda da noite para o dia??? Não vejo a hora de ler o livro, tenho certeza de que irei amar.
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Cila,
      que bom que a semelhança tenha te despertado o interesse, já que não gostei muito. Mas se você é como eu, que ama o sobrenatural com romance, alem das citações sobre as artes, com certeza vai amar cada pagina, os personagens, a historia, o drama, o mistério... Nossa, tudo!

      Obrigada pela visita!

      Beijos

      Excluir