24 outubro 2015

YouTube RED


Não faça essa cara pra mim.

Eu não sei o que o Google estava pensando quando aprovou o nome "YouTube RED", mas é oficial: o serviço de assinatura do YouTube tem esse nome. Com certeza foi dado por um estagiário e aprovado por estagiários cobrindo férias. Mas ok, deixemos as conotações pornográficas de lado.


Os próprios organizadores tomaram ciência de que o YouTube é importante sim e que sua popularidade rende muita coisa. Todo o Google está se reinventando, tanto que agora as tarefas são mais divididas: uma empresa chamada Alphabet, que pertence ao Google, é quem organiza todas as subdivisões, e o YouTube provavelmente tem seu espaço dedicado. Eu sempre digo que quando o espaço é menor, é mais fácil administrar. Agora temos o YouTube Gaming, serviço que hospeda somente jogos e tem grande parcela de dedicação às livestreams, e no último dia 21 foi anunciado o YouTube RED e YouTube Music.

YouTube Music vai funcionar de forma semelhante ao YouTube Gaming. Mas o que vai ser esse YouTube RED? O RED vai ser a concorrente da Netflix.



Com uma assinatura de US$ 9,99, os estadunidenses terão acesso a conteúdo exclusivo do YouTube, séries originais, vídeos sem anúncios, possibilidade de baixar vídeos para assistí-los offline e deixá-los tocando em segundo plano no celular (o que é algo muito interessante). O serviço ainda não tem previsão de quando ou se vai sair dos Estados Unidos. Ainda está em BETA.

Isso não mudará nada para os produtores e nem para os consumidores. Seu YouTuber favorito ainda produzirá vídeos para o canal, pois o conteúdo exclusivo do RED será outra coisa. Como os internautas norte-americanos são bem ativos, se o projeto sair dos EUA é porque a coisa é boa, por ter sido aprovado pela população.

A primeira série para o YouTube RED já está confirmada e se chamará Scare PewDiePie. "PewDiePie" é o maior canal de todo o YouTube, com quase 40 milhões de inscritos e 10 bilhões de visualizações. Seu protagonista, o sueco Félix, se tornou conhecido com seus gritos e reações exageradas ao jogar jogos de terror. Scare PewDiePie colocará Félix em ambientes aterrorizantes e sinistras e será produzido pela Skybound Entertainment, produtora dos quadrinhos de The Walking Dead. O programa estreará em 2.016, enquanto o RED entrará em atividade no próximo dia 28.

Félix Kjellberg, dono do canal PewDiePie, o maior do YouTube.

E você, o que achou do YouTube RED? Deixe aí nos comentários!

9 comentários:

  1. O nome é ruim, mas a ideia é boa. Gostei da intenção do YouTube. Acredito que a empresa tenha mesmo que se reinventar para cativar os consumidores.

    Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista de outubro. Serão seis livros para três vencedores.

    ResponderExcluir
  2. Gunnar, eu partilho da mesma opinião, porque esse título ambíguo? Com certeza eles querem polêmica! Risos. Bom, mas relacionando o assunto às funcionalidades do programa, não me desagradou, mesmo assim ainda prefiro o Netflix. Enfim, vamos aguardar para ver a aprovação, ou não, do YouTube RED nos states.

    ResponderExcluir
  3. Oii! Legal essa ideia! Espero que seja aprovado nos EUA! Porém, eles vão ter que trabalhar muito para conseguir o mesmo status e reconhecimento da Netflix, mas com um conteúdo significativo, quem sabe? *-*

    ResponderExcluir
  4. Não sabia dessa novidade do YouTube Red e como você também acredito que esse nome tenha sido criado por um estagiário.
    Achei bem legal esse plano e espero que seja adaptado para o Brasil.

    ResponderExcluir
  5. Nossa, que nome é esse? hahaha Realmente deve ter sido um estagiário que pensou...
    E gostei da ideia dele, e vou torcer para que seja bom e pra chegar no Brasil também :)

    Beijos!

    ResponderExcluir
  6. Também acredito que esse nome foi escolhido por um estagiário, mas achei legal essa iniciativa do YouTube, espero que esse projeto seja aprovado para o Brasil em breve.

    ResponderExcluir
  7. nossa que interessante, naõ tinha ouvido falar sobre isso até agora, tomara que chegue mesmo no brasil porque vai ser bem interessante.

    ResponderExcluir
  8. Eu sou tão dura que nem celular bom para poder ter You Tube RED, só que mesmo se eu tivesse é caro demais e eu não tenho tempo para mexer com isso, mais acho bem bacana esse Music.

    ResponderExcluir
  9. Confesso que ainda não entendi o porque desde nome, YouTube RED. Mas gostei bastante destas novas funcionalidades, de podermos ver séries originais, vídeos sem anúncios, e ter possibilidade de baixar vídeos para assistí-los offline. Espero que este teste dê certo e que possa ser um sucesso!
    Abçs!

    ResponderExcluir