Dearly, Beloved: Uma Nova Ameaça - Lia Habel

Resenha por: Ana Zuky
Título: Dearly, Beloved #2
Autor(a): Lia Habel
Editora: ID
Gênero: Romance / Fantasia
Paginas: 512
Ano: 2013
Compare e Compre: Buscapé
Adicione: Skoob
Nota:
Sinopse: Nora Dearly e Bram Griswold apaixonaram-se, mesmo que isso parecesse algo impossível de acontecer entre uma garota cheia de vida, neovitoriana, de 17 anos e um soldado punk morto, que voltou a viver como zumbi. Como ele, o pai de Nora, Doutor Dearly, também se tornou um zumbi e dedica seus dias às pesquisas médicas – chegou a criar a vacina capaz de agir contra a Lazarus, a terrível doença que reanimava os mortos e os transformava em zumbis.Mas a notícia de que uma cepa diferente da Laz havia surgido deixou todos muito preocupados. Principalmente porque essa nova forma da doença era ainda mais assustadora, criando um tipo de zumbi insano e bastante violento.Estariam eles de volta à estaca zero? Haveria mais um Cerco? Os mortos seriam caçados novamente?Neste segundo volume da série, a insegurança e o medo voltam a dominar a cidade de Nova Londres e a ameaçar a convivência pacífica entre todos. E, uma pessoa em especial vai aproveitar esse clima de guerra e fará de tudo para destruir o amor entre Nora e Bram. Será que vai conseguir?
Depois de Nora, a humana; e Bram, capitão zumbi do exercido Z; enfrentarem no livro anterior um bando de cinzas (zumbis conhecidos por não terem domínio sobre a vontade incessante de comer carne) e o rival que desejava uma guerra e expor os Zumbis para a humanidade. Pensaram que tudo estava ao normal, já que agora os não-vivos (os que têm domínio sobre a mente conseguindo controlar sua fome) e humanos convivem juntos, mesmo a humanidade não aceitando tão bem assim. Porem os dias de calmaria está para serem extintos, pois uma nova cepa, uma mutação do vírus Lazaro que deu origem aos zumbis; surge e acaba reanimando novos zumbis com mais violência e fome. E seu portador, conhecido como “Paciente numero um” é o mistério que carrega as repostas para toda a comoção da população zumbi e humana. Alem disso, Nora e Bram terão que enfrentar o preconceito que o romance deles provoca na sociedade.

Com o mesmo cenário, pós-apocalíptico com todos aqueles zumbis, os bons e ruins. Com a proposta futurística por se passar em uma era mais adiante; onde a população sobrevivente da guerra e caos, hoje vive aos costumes da era vitoriana, o romance entre uma humana e zumbi e agora, com esta nova ação provocada pela ameaça de uma nova cepa; Lia Habel pecou, e muito. Faltou uma explicação mais lógica e profunda sobre a nova ameaça; alem de, mesmo sendo importante para os novos acontecimentos; Lia, acrescentou novos personagens que entram na historia, e, em vez de ser um ponto de vista para melhor entender, acabam confundindo e causando certo desconforto. Pois joga esses personagens no enredo, sem antes esclarecer o que de fato, o cujo é. Por que ele esta ali e qual é sua função na verdade. Em minha opinião, uma baianagem de personagens desnecessário. E se não bastasse, o romance que antes era o foco para toda ação da historia se perdeu. Cadê os personagens fofos e românticos, que não tinham medo, que não ligavam para o que acontecia, estando ali, juntos, era o que bastava para enfrentarem o mundo. Cadê?

Narrado em primeira pessoa, por personagens já conhecidos, como Bram, Nora e Pamela, podemos contar com novos personagens anteriores, que se mantiveram escondidos, mas que, aqui tem voz. Alem de novos personagens coadjuvantes que surgem para abranger mais o enredo. Contudo, como disse logo acima, esta invasão de personagens acaba confundindo um pouco o leitor, mesmo sendo necessário para explicar (ou não) melhor a ação.
Bram continua o personagem amável, porem, agora ele entra em conflito com seus ideais. Isso mostra o seu lado humano – mesmo não sendo – por querer o melhor para sua “espécie”.
Nora ao contrario de Bram, foi à personagem que mais retrocedeu no meu conceito. Tornado-se mesquinha e chata. Mesmo que suas atitudes serviram (de algo) para dar mais ação, não gostei do trabalho que a autora teve com ela neste livro.

A Diagramação do livro é simples, com fontes em tamanho menores e folhas amarelas. A revisão desta vez foi melhor que seu antecessor. A capa continua com sua grandiosidade na beleza.

Ainda que não tenha me sentido feliz com a leitura de Dearly, Beloved gostaria de acompanhar a continuação, Lia, alem de deixar pontas soltas ela acrescenta elementos extras, o que me faz acreditar, que seja para dar continuidade ao próximo livro. Mas, infelizmente, na minha pesquisa para saber sobre a continuação acabei que, descobrindo que o terceiro livro nem foi escrito *0*

Se indico? Sim, ele foi o melhor livro de zumbis com a mistura de steampunk que li. Gostei da premissa, dos personagens, do romance fofo, da ação e intrigas; dos elementos de uma era vitoriana com costumes para um cenário futurístico e da pegada steampunk... Nossa, está serie tem muito a oferecer, espero que no próximo, que não tem data para lançamento, a autora volte com o melhor, já que o segundo deixou a desejar, ao contrario do primeiro, que me senti na expectativa e ansiedade por mais da historia e do romance.

0

Trilha Sonora - Entre o Agora e o Nunca


Quem ama música sempre está a procura de novas melodias. Mas quem é leitor, música acaba fazendo parte de nosso cotidiano, ainda mais quando se está lendo. Estamos sempre em busca de músicas que ligam a história, pode ser a qual estamos lendo ou aquela que amamos e guardamos, eternamente, em nosso coração. Digo por mim, que amo ler, enquanto escuto músicas que seleciono para a leitura. Claro que tem aqueles que não conseguem tal artimanha, mas gostam, sempre ao termino da leitura, ainda mais se na historia a citações de musica, buscar elas para condizer a historia.

Bom, selecionei algumas músicas que foram citadas no livro Entre o Agora e o Nunca, leitura que me deixou abismada com os sentimentos que me invadiram. leitura cujo indico a todos, e a trilha não fca longe de tão perfeita. Desfrutem.

The Rolling Stones - Laugh, I Nearly Died: Música que Andrew tocou e cantou quando levou Cam no bar.



The Civil Wars - Barton Hollow: Andrew e Cam cantam juntos.

The Civil Wars - Poison & Wine: Quando Cam está sofrendo por causa de Andrew.

Citei algumas, mas segue a lista de toda a trilha caso tenha interesse de conhecer todas as músicas citadas no livro:

Feel Like Makin'Love - Bad Company
Would? - Alice In Chains
Carry On Wayward Son - Kansas
Poison & Wine - The Civil Wars
Dream On - Aerosmith 
Hotel California - Eagles
Ready for Love - Bad Company
Laugh, I Nearly Died - The Rolling Stone 
Dust in the Wind - Kansas
Barton Hollow - The Civil Wars
0

Quotes - Entre o Agora e o Nunca


Entre o Agora e o Nunca da autora J.A Redmerski, foi lançado no ano de 2014 pela editora Suma das Letras.
Lembro de estar iniciando um novo gosto/gênero literário, entrando para o gênero romance, na verdade para o subgênero Novo Adulto ou New Adult, onde a historia revela o drama jovem e suas descobertas. O livro em questão foi uma surpresa deliciosa e reflexiva, qual me apaixonei.
Então, se deliciem com esses quotes maravilhosos. Espero que, caso não tenha lido, desperte seu interesse para a leitura. Agora, se já leu, relembre!






0

Red Hill - Jamie McGuire

Resenha por: Ana Zuky
Título:Red Hill
Autor(a): Jamie McGuire
Editora:Verus
Gênero:  Ficção Apocalíptica / Drama / Romance
Páginas: 350
Ano:2015
Compre e Compre: Buscapé
Adicione: Skoob
Nota:
Sinopse: Red Hill - Para Scarlet, cuidar de suas duas filhas sozinha significa que lutar pelo amanhã é uma batalha diária. Nathan tem uma mulher, mas não se lembra o que é estar apaixonado; a única coisa que faz a volta para casa valer a pena é sua filha Zoe. A maior preocupação de Miranda é saber se seu carro tem espaço suficiente para sua irmã e seus amigos irem viajar no fim de semana, escapando das provas finais da faculdade. Quando a notícia de uma epidemia mortal se espalha, essas pessoas comuns se deparam com situações extraordinárias e, de repente, seus destinos se misturam. Percebendo que não conseguiriam fugir do perigo, Scarlet, Nathan, e Miranda procuram desesperadamente por abrigo no mesmo rancho isolado, o Red Hill. Emoções estão a flor da pele quando novos e velhos relacionamentos são testados diante do terrível inimigo – um inimigo que já não se lembra mais o que é ser humano. O que acontece quando aquele por quem você morreria, se transforma naquele que pode lhe destruir? Red Hill prende desde a primeira página e é impossível deixa-lo até o final surpreendente. Este é o melhor da autora Jamie McGuire! 
Red Hill escrito pela Jamie McGuire, famosa pelo romance, novo adulto, Belo Desastre e Spin-off Bela Distração, ambos publicados no Brasil pela Verus Editora, ela nos apresenta a um novo mundo, a uma nova escrita, insinuando que não é uma simples escritora, não será apenas seus romances a marcar impacto, e sim, agora, um mundo apocalíptico zumbi, com ação, cenas impactantes e a mensagem sobre os sentimentos humanos. Então começo a resenha perguntando: O que você faria, se da noite para o dia, aquilo que você sabia sobre zumbis, que antes eram meras ações fictícias que o cinema e a tv apresentava, se tornasse real?

A narrativa é feita em 3º pessoa, por três personagens: Scarlet, Nathan e Miranda.
Scarlet trabalhava no hospital quando se deparou com o primeiro caso, uma garota que foi mordida por um bêbado, agora estava 9 quilos mais magra, a pele apresentando um certo tom nada natural e que após os exames, que na consciência dela e outros médicos era impossível, tentam reverter a situação que de nada adiantou. Novos casos deixam o hospital lotado e dentro de poucas horas o local de trabalho tornasse uma batalha entre a vida e morte. Sua esperança era conseguir encontrar seu ex-marido e suas filhas na cidade vizinha, em que ele morava, mas ela não contava com o que enfrentaria para leva-las a fazenda Red Hill, que ela limpava nos fins de semana para o médico amigo; e em uma de suas conversas com as filhas dizia ser o melhor local para irem caso o mundo acabasse.
Nathan estava na fila de carros para pegar sua filha, ao ouvir o noticiário no radio sobre o alcance de novos casos, percebe há aglomeração dos pais então faz o mesmo. No caminho para casa ele observa o caos que a cidade se tornou, e quando finalmente chega em casa encontra um bilhete que sua esposa deixa, derrotado pega sua filha e segue até a casa do cunhado, não contava com o que aconteceu, então ele e sua filha enfrentam novos problemas e nesse meio conhece novas pessoas, que o leva a um único caminho, Red Hill.
Miranda, com sua irmã, cunhado e namorado, estavam indo a fazendo do pai, Red Hill, quando no caminho começaram a ver pessoas correndo loucamente, como se suas vidas dependessem disso, claro que não imaginavam que tudo o que estavam vendo seria sobre aquele noticiário, mas ao verem o primeiro zumbi, acabam se desesperando, e a luta entre a vida e a morte começa. No caminho até a fazenda enfrentam muita coisa, além de conhecer novas pessoas, mas a chegada em Red Hill, não significaria que tudo estaria bem, outras batalhas estão por vir.

Red Hill já começa prendendo a atenção, não deixando brecha para interrupções, pois a ansiedade de saber o que vai acontecer na próxima página deixa um tanto angustiante, com a expectativa muito alta, mas não por causada ação, haverá sim lutas, zumbis comendo e atacando, morte e etc. Mas no meu entendimento o foco era nos personagens, na luta deles com a sobrevivência e num novo começo de vida. Mostrando o lado despreparado de cada um.
Houve certas situações, que para aqueles que estão acostumados com o que a tv e cinema apresenta sobre os zumbis, acaba sendo muito fora do conceito, tornando impossível de acreditar, certas circunstâncias de cenas também deixaram a desejar por falta de explicação, do tipo, aconteceu e pronto. Mas levando para o lado que a autora é nova nesta onda e que ela queria mostrar o lado fictício se tornando real e assim apresentando, uma possível inexperiência dos personagens, me fez enxergar de outra maneira. Além do que, pesquisando no site da autora, ela já tem um spin-off intitulado Among Monsters, que relata outra perspectiva e mostra o outro lado da história.

Red Hill, é uma leitura leve, mantendo o conceito sobre os zumbis, suspense presente a cada página, romances levemente apimentados e uma dose pequena de ação e mortes. Se você leitor está iniciando na onda sobre zumbis, esta leitura será agradável, agora para os que procuram algo mais violento e sangrento, não vai gostar.
Leitura mais que indicada, apesar dos pontos negativos. Está preparado para a era apocalíptica zumbi?

Gostou? Então Curta e nos ajude ♥

9

Capa x Capa #21 - Mar da Tranquilidade

Oi pessoas,
já faz tempo que não faço esta coluna, gosto mundo de conhecer capas que estão pelo mundo, ainda mais se forem dos livros que tanto amei. Então por que não apresentar as capas para que vocês também conheçam.
Bom, o livro de hoje foi uma leitura que me fez refletir muito sobre consequências de nossos atos, principalmente rever que todos merecemos uma segunda chance, mesmo não achando merecedor. O livro é Mar da Tranquilidade que foi lançado pela editora Arqueiro.

8

Crítica - Teen Wolf: 2º Temporada


A temporada começou dando continuidade aos acontecimentos do último episódio, season finale, da temporada anterior, ou seja, Derek se tornando o Alpha e tirando de Scott a esperança de voltar ao normal, o insuportável Jackson tendo o que tanto desejava, a mordida para se tornar um lobisomem; Lydia no hospital após ser atacada pelo Peter, tio de Derek e o alpha que tanto fez nossos personagens correrem e lutarem, Scott e Allison tentando manter o romance e Stiles sendo ele.

Se na temporada anterior eles achavam estar passando pelo pior é que não sabiam o que os aguardava. A turma de teen Wolf se veem diante de uma nova criatura sobrenatural que está causando muitas mortes, ser parecido com uma serpente, que nos episódios adiante descobrimos ser um Kanima, uma criatura sobrenatural que vem sendo manipulada por alguém. Essa criatura paralisa suas vítimas e depois a mata de forma cruel.

Correndo contra o tempo para descobrir quem é, e como derrotar a criatura, começa um jogo cheio de mistério e suspense, levando Scott, Allison e Stiles a desconfiarem de Lydia, já que ela foi atacada por um alpha e se recuperou rapidamente sem qualquer sequela, por enquanto. 


Contudo, se não bastasse esta nova criatura, o romance entre Allison e Scott está abalado pela família Argent, com a chegada Gerard Argent, avô de Allison. Que após sua chegada começa a caçar qualquer sobrenatural, passando por cima do código de conduta desta família. Mas, por detrás disso tudo a um motivo muito maior para Gerard, ele está gravemente doente e busca na mordida de um lobo a cura, ele só não contava com o que o aguardava.


Diante desses acontecimentos confesso que esperava mais desta temporada. Achei - Oh, inocência -que os produtores tinham avançado e trabalhado melhor nos efeitos especiais em nossos lobos, que ainda continuam parecendo macacos, e nas lutas, que continuam atrasadas parecendo uma dança muito mal ensaiada. Para aqueles que leram minha crítica da 1º temporada sabe o quanto estes detalhes me irritaram, contudo tinha fé que estaria melhor nesta, mas... ledo engano.


Também devo destacar a entrada de novos personagens: Issac, Erica e Boyd. Entrando na série para aumentar nosso elenco, como parte da alcateia de Derek, já que agora ele é o alpha e precisa deles para ter mais força. 


Porém, esses novos personagens veem para causar mais reboliço e deixar a série um pouco, mais, agitada. Falando de Derek, nesta temporada ele continua todo mal – como eu amo – mas deixou a desejar em sua atuação, parecendo muito forçado e sem graça. 

Ainda assim, notei uma evolução na trama que desta vez foi muito mais surreal e impressionante, mantendo o suspense no ar e me fazendo ficar boquiaberta com as descobertas. Estou falando do real motivo do avô de Allison e da criatura Kanima. Ah, tem outro motivo nesta trama toda que merece ser falado, a mãe de Allison, Victoria Argernt. Transtornada com o relacionamento de sua filha com um lobisomem, ela acaba sequestrando Scott com intenção de matar ele, mas ela não contava Derek indo salvar o jovem lobisomem, na luta travada Victoria, acaba sendo mordida por Derek, e como todos sabem basta uma mordida para se tornar um lobisomem. Mas os Argernt são caçadores e como tais, não pode ter nesta família uma criatura sobrenatural. O que levou a morte de Victoria e como consequência levando a Allison acreditar ser culpa de Derek a morte de sua mãe e, ela tomando partido dos caçadores. Eletrizante, não é?!  Agora sim a série foi para outro patamar, bem a cima e se tornando melhor.

Então, não há dúvidas, está série promete e muito que está apenas começando a mostrar seu potencial, e por isso não consigo me conter para começar, e logo, a próxima temporada. 
Não deixe os pequenos detalhes que não agradaram te convencer, se aventure. Garanto, não haverá tempo para se arrepender. 


6

Quotes - Mar da Tranquilidade


Mar da tranquilidade da autora Katja Millay foi lançado no ano de 2014 pela editora Arqueiro. O livro é tão obscuro e ao mesmo tempo tranquilizador... Capaz de levar o leitor a refletir sobre tudo e todos.

Não é a toa que este livro entrou para meus favoritos.
Hoje quero apresentar a vocês alguns quotes que separei. Eles servem tanto para uma reflexão como para atiça-los a conhecer a historia. Quer saber um pouco mais sobre minha opinião, leia a Resenha.






4

Lançamentos Sextante - Abril 2016




Conheça o pior pesadelo para um jovem zumbi: o Acampamento dos Horrores! Nosso amigo zumbi tentou, tentou e tentou... Apesar de todos os planos mirabolantes e da ajuda de seus amigos Steve, Esquely, Slimey e Creepy, ele não conseguiu escapar do terrível destino de passar parte de suas férias no acampamento. Mas esse não é um acampamento comum! Os monitores são criaturas devoradoras de cérebro e a enfermeira é uma bruxa que gosta de comer carne podre! Será que zumbi, Creepy e Steve sobreviverão aos terrores de lá? E como vão se preparar para as moblimpíadas, que acontecerão em poucas semanas? Novos amigos e novos rivais no sexto livro da série! Mas cuidado... O temível monstro de comida do refeitório pode estar atrás de você! NESTE VOLUME: O MAIOR SEGREDO DO CREEPY É REVELADO!
Publicado pela primeira vez na Austrália, Chega de açúcar foi um fenômeno de vendas e alcançou grande sucesso também nos Estados Unidos e na Inglaterra. Sarah Wilson sempre achou que sua alimentação era relativamente saudável – até saber a quantidade de açúcar escondido na comida e quanto isso afetava a sua vida. Quando ela se deu conta de que o consumo de açúcar poderia estar associado a oscilações de humor, ganho de peso, problemas de sono e doenças relacionadas à tireoide, decidiu acabar com isso de vez. O que começou como uma experiência logo se tornou uma missão: alertarsobre os perigos da substância e oferecer alternativas saudáveis e saborosas. Neste livro, a autora conta o que fez para conseguir se livrar da dependência, compartilhando ferramentas, truques e dicas inspiradoras. Em Chega de açúcar, você vai encontrar: 
• Um programa de oito semanas para desintoxicar 
• Ideias para substituir o açúcar sem comprometer a saúde
• Técnicas para superar o desejo por doce 
• 108 receitas de pratos saudáveis, petiscos saborosos e doces guloseimas elaboradas pela autora e por seus colaboradores, incluindo a atriz Gwyneth Paltrow

Mesmo que você ainda não se sinta pronto para abandonar de vez o açúcar, este livro pode ajudá-lo a reduzir o consumo e até alcançar mudanças positivas para o seu bem-estar.


Quando desejamos alguma coisa, é comum ficarmos mais concentrados na ideia de que não a temos do que na vontade de tê-la. Embora esta seja uma atitude inconsciente, ela é a principal responsável pela dificuldade que temos em alcançar nossos objetivos. Como os pensamentos deveriam ser a expressão de nossos desejos, toda essa negatividade acaba atraindo o oposto do que queremos. Essa é a ideia principal de Peça e será atendido, que nos estimula a identificar nossos verdadeiros sonhos e a criar as condições para realizá-los. A fonte dessas revelações é Abraham, o guia espiritual que inspirou Esther e Jerry Hicks a compartilhar essas valiosas lições. Com sensibilidade e clareza, os autores mostram o que devemos fazer para atrair aquilo que queremos – melhorar a saúde, equilibrar as finanças, redefinir prioridades, aumentar a autoestima ou aprimorar os relacionamentos. Os ensinamentos de Abraham apresentam uma visão do mundo capaz de transformar nossa vida, substituindo a negatividade por otimismo, coragem e alegria, ingredientes fundamentais para o sucesso e a realização.


Embarque nas naus e caravelas da vasta frota comandada por Pedro Álvares Cabral. Circule por entre marujos lusitanos, pilotos árabes, astrólogos judeus e nobres ibéricos. Viaje com eles por mares tempestuosos, em meio a perigos desconhecidos ou calmarias enervantes.Saiba quais forças políticas moviam a esquadra que chegou ao Brasil, mergulhando no mundo da Escola de Sagres e do misterioso infante D. Henrique, um herdeiro dos Cavaleiros Templários. A viagem do descobrimento, primeiro volume da coleção Brasilis, revisita os momentos inaugurais da história do nosso país descrevendo-os como a grande aventura que de fato foram. A partir de cartas, documentos e crônicas da época, assim como estudos de historiadores consagrados, o jornalista e escritor Eduardo Bueno narra com riqueza de detalhes a trajetória de homens que venceram seus limites em busca de um novo mundo. Lançada originalmente no final dos anos 1990, a coleção Brasilis alcançou a marca de 1 milhão de exemplares vendidos e inaugurou um estilo leve, crítico e divertido de contar a história de nosso país.

0

Minha Vida Mora ao Lado - Huntley Fitzpatrick

Resenha por: Ana Zuky
Título: Minha Vida Mora ao Lado
Autor(a): Huntley Fitzpatrick
Editora: Valentina  
Gênero: Romance / Drama
Paginas: 320
Ano: 2015
Compare e Compre: Buscapé
Adicione: Skoob
Nota:
Sinopse: Os Garrett são tudo que os Reed não são. Barulhentos, caóticos e afetuosos. São de verdade. E, todos os dias, de seu cantinho no telhado, Samantha sonha ser uma deles, ser da família. Até que, numa noite de verão, Jase Garrett vai até lá e...Quanto mais os adolescentes se aproximam, mais real esse amor genuíno vai se tornando. Contudo, precisam aprender a lidar com as estranhezas e maravilhas do primeiro amor. A família de Jase acolhe Samantha, apesar dela ter que esconder o namorado da própria mãe.Até que algo terrível acontece, o mundo de Samantha desmorona e ela é repentinamente forçada a tomar uma decisão quase impossível, porém definitiva. A qual família recorrer? Ou, quem sabe, Sam já é madura o bastante para assumir suas próprias escolhas? Será que está pronta para abraçar a vida e encarar desafios?Quem você estaria disposto a sacrificar pela coisa certa a se fazer? O que você estaria disposto a sacrificar pela verdade?
Minha Vida Mora ao Lado da autora Huntley Fitzpatrick, lançado pela editora Valentina, retrata a vida de Samantha Reed, uma jovem garota de 17 anos, cuja a vida é cheia regras imposta pela mãe controladora, cheia de manias, com TOC de limpeza e, está concorrendo as eleições para deputada. E por isso, exige de Sam, o mais decoroso estilo de vida.

Aos 7 anos de idade Samantha e sua irmão, mais velha, Tracy, estão fazendo tarefas designadas pela mãe no quintal, quando uma família bem numerosa e bastante barulhenta, os Garrets, acabam de se mudar para casa ao lado. Os considerando encrencas, a Sr. Reed proíbe as meninas de qualquer aproximação com eles.
Os anos passam e Samantha, secretamente observa seus vizinhos, encontrando neles o conforto. Pois os Garrets são tudo que sua mãe odeia, bagunceiros, não seguem as regras da sociedade, ao menos as regras que Sra. Reed acha certa.... Mas apesar disso, eles demonstram a quem deseja ver, o afeto, carinho e respeito que eles sentem um pelo outro, o que despertou certa inveja em Sam, já que sua mãe, a tão rígida e fria, nunca, nem mesmo as escondidas, mostra o que sente por ela e por sua irmã.
Certo dia, quando espionava os vizinhos, Samantha, é surpreendida por uma visita inusitada, Jase, o terceiro filho mais velho dos Garrets, aparece na varanda. Sam, sabe que eles são proibidos, mas consegue sentir nele o que tanto procurava, uma amizade que aos poucos começa a despertar neles sentimentos mais forte, os levando ao romance doce e inocente. Mas algo sério acontece e ela se vê diante de tudo que é contra ao que foi ensinado a ela. Escolhas difíceis ela terá que fazer, mas dependendo da escolha, uma pode prejudicar sua família e a outra pode destruir seu relacionamento com Jase. Contudo, ela terá que escolher e não será fácil.

A autora, mesmo contando a história de Sam em primeira pessoa, o que poderia causar um conflito juvenil, ao menos é o que esperamos, ela não se prendeu somente a essa questão, ela decidiu se aprofundar e mostrar aos leitores o drama de todos os personagens, mesmo que fictício, pode acontecer, nos tornando um espectador vivo.

A família Garret, passa por toda a trama um preconceito que, realmente, acontece. Sobre serem uma família numerosa, com 8 filhos, por todo quanto é canto sofrem represarias e fazem parte de fofocas internas, como: Não conhecerem métodos para evitar gravidez, sobre como sustentar uma família tão grande, entre outros comentários. Mas diante disso, eles não deixam se abater e mostram os quão felizes são com ou sem dificuldades. O importante é que se amam e sempre estarão ali para um apoiar o outro. Mostrando o verdadeiro valor da família.

Adiante a autora mostra que as aparecias enganam, como as dos irmãos Nan, melhor amiga de Sam, que ao decorrer da trama descobrimos o pior dela, e Tim, que está acabando com sua vida com bebidas e drogas, mas que sofre uma reviravolta digna de aplausos.

Sem sair do contexto, temos agora a Sra. Reed, que se apaixonada por um cara que desperta desconfiança, e acaba tendo atitudes contrarias que ela mostra inicialmente. Levando nossa pequena Sam, e nós leitores, ao dilema difícil.

Tracy, irmã de Sam, consegue desvincular das artimanhas de sua mãe e consegue viver o que deseja. Mostrando a sua irmã, Samantha, que é possível desagarrar. Mesmo não sendo bem abordada, gostei bastante de Tracy.

Sam, mesmo sendo jovem, mostra o quanto é madura, esforçada, determinada e humilde. Mesmo tendo uma mãe, quase deputada, nunca teve privilégios e sempre teve que lutar pelas suas conquistas. Jase, é o típico bad-boy das histórias, mas ao contrário dos muitos que conhecemos nos romances, ele é o que mais ajuda em casa, quem cuida dos pequenos quando a mãe e pai precisam, e o faz tudo. Um menino responsável que, também, corre atrás de seus objetivos, como treinar duro para conseguir uma bolsa na faculdade.

Sem muito enrolação de forma pratica, leve e encantadora, Huntley Fitzpatrick nos leva para conhecer os dramas jovens, mas também seus encantos e sonhos. Se entregue, e assim como eu, se apaixone. Leitura, super, recomendada!


5

Lançamentos Arqueiro - Abril 2016

Jovem, estonteante e nascida em berço de ouro. É apenas isso que Gervase Ashford, o conde de Rosthorn, enxerga em Morgan Bedwyn quando a conhece, num dos bailes da alta sociedade inglesa em Bruxelas. Em circunstâncias normais, ele não olharia para ela duas vezes – prefere mulheres mais velhas e experientes. Porém, ao saber que Morgan é irmã de Wulfric Bedwyn, a quem Gervase culpa pelos nove anos que passou longe da Inglaterra, decide que ela é o instrumento perfeito para satisfazer seu desejo de vingança. Mas Morgan, apesar de jovem e inocente, também é independente e voluntariosa e, assim que entende as intenções do conde, se prepara para virar o jogo e deixar claro que não se deixará manipular por ninguém. Em Ligeiramente seduzidos, quarto livro da série Os Bedwyns, Mary Balogh nos brinda com mais uma história fascinante. Em uma trama repleta de traição e vingança, escândalo e sedução, ela mostra que o caminho para o amor pode ser difícil, mas que a recompensa faz cada passo valer a pena.

Max O’Hare já passou por muitos momentos difíceis na vida. Depois de perder um grande amor e ter que se internar numa clínica para se livrar das drogas, ele decide que é hora de trocar Nova York por uma cidade do interior, na tentativa de se reerguer ao lado da família.É lá que ele conhece a deslumbrante Grace Brooks. Amante da arte e da fotografia, ela parece a mulher perfeita. Mas o que Max não sabe é que ela guarda a sete chaves a verdade sobre o próprio passado. Atraídos um pelo outro, mas com medo das consequências que um relacionamento sério pode trazer a suas vidas já complicadas, eles fazem um pacto para que a relação seja apenas sexual, sem sentimentos envolvidos. Até que as coisas começam a mudar entre os dois...Presos a grandes medos e a segredos profundos, Max e Grace precisam aprender a confiar de novo e se entregar um ao outro não apenas de corpo, mas também de alma.





Emma tem 27 anos, é linda e inteligente e vive cercada de pessoas que ama. Prestes a se casar com Richard, seu namorado desde a época de escola, ela não poderia estar mais empolgada.Mas o que deveria ser o momento mais feliz de sua vida de repente vira uma tragédia. Emma sofre um acidente e é salva por um estranho minutos antes que o carro em que ela viajava explodisse.Abalada, ela decide adiar o casamento. E nesse meio-tempo descobre segredos que a fazem questionar as pessoas nas quais sempre confiara – a ponto de duvidar se deve se casar afinal.Para complicar, ela se sente cada vez mais ligada a Jack, o homem que a salvou e que não sai da sua cabeça. Jack é lindo, gentil e divertido, de um jeito diferente de todos que ela já conheceu. Por outro lado, é Richard quem ela sempre amou…Uma mulher, dois homens, tantos destinos possíveis. Como essa história vai terminar?



Filha de imigrantes mexicanos, Maria Sanchez é uma advogada inteligente, bonita e bem-sucedida que aprendeu cedo o valor do trabalho duro e de uma rotina regrada. Porém um trauma a faz questionar tudo em que acreditava e voltar para sua cidade natal, a pequena Wilmington. A cidade também é o lugar que Colin Hancock escolheu para se dar uma segunda chance. Apesar de jovem, ele sofreu mais violência e abandono do que a maioria das pessoas. Também cometeu sua parcela de erro e magoou mais gente do que gostaria. Agora está determinado a mudar de vida, tornar-se professor e dar às crianças o carinho e a atenção que ele próprio não teve. Colin e Maria não foram feitos um para o outro, mas um encontro casual durante uma tempestade mudará o rumo de suas histórias. Ao confrontar as diferenças entre os dois, eles questionarão as próprias convicções. E ao enxergar além das aparências, redescobrirão a capacidade de amar. Porém, nessa frágil busca por um recomeço, o relacionamento deles é ameaçado por uma série de incidentes suspeitos que reaviva antigos sofrimentos. E quando um perigo real começa a se impor, Colin e Maria precisam lutar para que o amor sobreviva.Com uma trama madura e repleta de emoções e de suspense, No seu olhar mostra que o amor às vezes é forjado em crises que ameaçam nos destruir e que o primeiro passo para a felicidade é acreditar em quem podemos ser.






Janeiro de 2017. Após cinco dias desaparecido, o navio O Belo Sonhador é encontrado à deriva no golfo do México. Poderia ser só mais um caso de falha de comunicação e pane mecânica... se não fosse por um detalhe: não há uma pessoa viva sequer no cruzeiro.As autoridades acham indícios de uma epidemia de norovírus, mas apenas descobrem os corpos de duas passageiras. Para piorar, todos os registros e gravações de bordo sofreram danos irreparáveis. Como milhares de pessoas podem ter sumido sem deixar rastro? Teorias da conspiração se alastram, mas só há uma certeza: 2.962 passageiros e tripulantes simplesmente desapareceram no mar do Caribe.

O sonho de Nels era ser cavaleiro do reino de Avërand. Filho obediente, ajudava como podia os moradores de sua pequena e tranquila aldeia. Querido por todos e tratado como herói, acreditava que logo seria selecionado como escudeiro da cavalaria. Mas isso foi antes de ser assassinado por uma figura misteriosa. Nels virou um fantasma, e agora só uma pessoa consegue vê-lo: a princesa Tyra, herdeira do reino e sua única esperança de entender o motivo do crime. A princípio, a jovem mimada não dá a menor confiança para o rapaz, mas, à medida que o mistério da morte dele vai se desenrolando, os dois percebem que têm em comum um segredo e um inimigo terrível, que pode se disfarçar de qualquer pessoa.Nels e Tyra não têm escolha. Precisam fugir do castelo, desbravar um mundo oculto repleto de magia e espectros sombrios e encontrar uma agulha, a relíquia capaz de remendar o que foi descosturado na Grande Tapeçaria. E o tempo corre contra eles, pois o fio de Nels está prestes a desaparecer para sempre.



0